domingo, 14 de outubro de 2012

Capítulo 1 - "Uma nova vida vai começar aqui"

Olá (:
Decidi criar esta fic porque adoro os One Direction e porque uma pessoa muito querida me incentivou a fazer. Espero que gostem (;
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Chegou o dia. Ainda são 5h da manhã mas tenho que me levantar, preparar-me e arrumar o que ainda resta nas minhas malas. Só para não falar de ter que me despedir dos meus irmãos, que é o mais defícil disto. Já estou pronta. Ao fechar a porta do meu quarto suspirei. Passei grandes momentos neste quarto. Dirigi-me à cozinha, tomei o pequeno almoço. Pouco depois os meus irmãos apareceram.
- Bom dia, maninha - disseram em conjunto dando-me cada um um beijinho na testa.
- Bom dia - disse com um ar triste
- Estás preparada? - perguntou-me o Milton.
- Não, não estou. Vou ter imensas saudades disto. Principalmente vossas.
- Eu acredito. Mas nós daqui a um mês já estamos contigo para te chatear - disse o Nuno abraçando-me.
- Espero bem que sim. - disse dando um sorriso
- Bom dia, meninos. Dormiram bem? - disse a nossa mãe dando-nos um beijo na cara.
- Sim, mãe. Apesar de ter dormido pouco. - disse bebendo um pouco do leite do meu irmão Nuno deixando chateado. Ia ser a ultima vez que lhe ia fazer aquilo durante algum tempo, pelo menos aqui.
- Daqui a pouco já dormes mais um pouco. Fabiana, se já acabaste de tomar o pequeno almoço, vai meter as tuas coisas no táxi que so faltam lá as tuas coisas. E quando eu e o teu pai acabarmos de comer, seguimos logo viagem. Não nos podemos atrasar.
- Sim, mãe. Vá, qual de voces vai ser um amor de irmão e me vem ajudar com as malas? - disse virando-me para eles.
- Vamos os dois. - disso o Milton. - Tens uns irmãos mesmo queridos.
- Claro que sim, mas isso é óbvio - disse dando um sorriso
Arumámos as malas e fomos para a sala. Passado uns 15 minutos os meus pais já estavam prontos.
- Chegou a hora - disse o meu pai chegando à sala.
- Parece que sim - disse respirando fundo
- Vá meninos. Espero que tenham muito juízo. - disse a minha mãe contendo as lágrimas.
- Claro mãe. - disseram ao mesmo tempo, abraçando-a
- Vamos ter muitas saudades vossas - disse o meu pai abraçando-o.
- Nós também vamos ter saudades vossas. - disse o Milton
- Daqui a 1 mês já vamos estar todos juntos novamente. O tempo vai passar a correr, vão ver. - disse abraçando-os.
- É isso mesmo maninha! - disse o Nuno sorrindo.
Despedimo-nos e fomos para o táxi. Ao sairmos de casa começou a chover. O táxista ligou o carro, olhei uma última vez para a minha casa. Ia ter imensas saudades, afinal, foi ali que cresci, que passei a minha infância e parte da minha juventude, passei os melhores momentos  com a minha família e bons momentos com os meus amigos.
Acabei por adormecer e só acordei no aeroporto de Lisboa. O nosso avião era às 11h. Enquanto os meus pais tratavam de tudo perdi-me novamente nos meus pensamentos mas depressa o meu pai "despertou-me".
- Filha, está na hora. - disse ele pondo a sua mão esquerda no meu ombro direito. - Vamos?
- Que remédio. - disse virando-me para o meu pai.
- Vai ser bom. - disse a minha mãe tentando confortar-me
- Sim, mãe. Eu sei. Vamos lá, então. - disse sorrindo.
Entrámos no avião, sentei-me e fiquei a olhar para a janela e deixei cair algumas lágrimas, pois, este era o meu país. Esperava um dia voltar outra vez. Deixei cá a minha familia, os meus amigos basicamente a minha vida.
Passado algumas horas aterrámos em Inglaterra. Ao sair do avião, olhei para todo o lado e quando pisei o chão de Inglaterra pensei: uma nova vida vai começar aqui.
- Olhem está ali o João - disse o meu pai.
O João era o amigo do meu pai para quem ele e a minha mãe iam trabalhar como engenheiros na empresa dele.
- Há tanto tempo ! - disse o senhor João cumprimentando os meus pais e a mim - Como correu a viagem?
- Correu muito bem - disseram os meus pais sorrindo.
- Querem que vos leve já para casa? - perguntou-nos o senhor João - Ou querem passar pela minha casa?
- Se não te importares leva-nos a nossa casa. A minha filha está um pouco cansada e como amanha já começam as aulas. - disse o meu pai.
- Claro que não me importo. Olhem, a casa fica no centro de Londres, está equipada e a decoração está óptima tal como combinámos. - disse o senhor João sorrindo.
A conversa continuou até casa. Quando chegámos, fui para o meu quarto. Tirei as minhas coisas da mala e arrumei-as no lugar. O tempo passou rápido, já era tarde por isso fui jantar e como estava cansada fui tomar um banho e deitei-me. As férias de verão, infelizmente, já tinham acabado e amanha começava um novo ano lectivo.
Eram 7.30h da manhã quando acordei. Levantei-me e fui tratar da minha higiene. Vesti uma roupa simples.

Fui para a cozinha e a minha mãe já estava lá.
- Bom dia mãe - disse dando-lhe um beijo
- Bom dia, filha. Preparada para as aulas?
- Sinceramente não. Estou nervosa.
- Acredito, mas vai correr tudo bem, tenho a certeza. Vais gostar da tua nova escola.
- Sim, mãe. Olha, tenho que ir, beijinhos. - disse agarrando numa maça e saindo para ir apanhar o autocarro.
Cheguei ao colégio, ea sem dúvida muito diferente da minha antiga escola.


 Entrei na escola e ia distraída e fui contra uma pessoa.
- I'm sorry - disse apanhando os livros que tinham caído da rapariga
- It's ok. - disse-me sorrindo - Wait?! You are the new student, right?
- Yes, I'm Fabiana and you?
- I'm Stefania. Fabiana? Beautiful name. Where are you from? 
- Portugal, Aveiro. - disse-lhe sorrindo
- It's a beautiful country. I'm from Italy, Veneza.
- Italy? - disse surpreendida
- Yes, I'm exchange student.
- Ok, I came to live here because of job of my parents.
- So, Welcome to London - disse abraçando-me.
- Thanks - disse sorrindo.
Fomos as duas para a sala de aula, pois, iamos ser da mesma turma. As aulas terminaram, como era segunda feira só tinhamos aulas de manhã. Fui mais a Stefania almoçar à cantina da escola para conhecer aquilo. Já tinha o meu tabuleiro, fui sentar-me numa mesa que estava livre. A Stefania ficou para trás porque a professora de inglês queria falar com ela.
- This is my table, so... get out ! - disse-me uma rapariga com uma ar autoritário.
- Sorry? I don't thing because your name is not here.
- Who do you think you are? - perguntou-me com um ar de importante
- My name is Fabiana, and I'm trying to eat. So... Bye - disse-lhe continuando no mesmo sitio a almoçar.
A Stefania chegou e ficou de boca aberta. Não entendi o porquê e perguntei-lhe o que se passava e quem era aquela rapariga. Ela disse que era a Brittany e a mesa onde estávamos era onde ela e as amigas dela almoçavam habitualmente. E ela era uma das raparigas mais populares da escola e as pessoas tinham medo dela. Eu não liguei, e disse a Stefania que a Britt mandava nela própria e que em mim não mandava de certeza.
Acabámos de almoçar e a Stefania convidou-me para ir a casa dela e eu aceitei. Chegámos a casa dela e não estava lá ninguém ou pelo menos era o que nós pensávamos. A casa dela era muito bonita. Fomos para a sala. Poisamos as nossas coisas no sofá e eu perguntei-lhe se podia ir à casa de banho. Ela disse-me que sim e disse-me para subir as escadas e via logo a casa de banho. Assim fiz, subi as escadas e vi uma porta meia aberta e abri.
- Oh Meu Deus !! - gritei - I'm sorry - disse fechando rapidamente a porta e correndo para sala.
- What happened? -perguntou-me a Stefaia preocupada
- I opened the first door I saw, but this door was not the bathroom. Was the bedroom and had two boys naked. - disse não querendo estar acreditar no que tinha visto
- Oh God ! - disse a Stefania rindo-se
- I'm not kidding but I think I know who are those guys
- It's normal because those boys are....
------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Espero que tenham gostado. Gostava que deixassem a vossa opinião seja ela boa ou má. Obrigada (:
Beijinhos*

4 comentários:

  1. gostei do primeiro capítulo e o facto de as falas estarem em inglês só lhe dá mais realismo (já reparei que os outros capítulos têm as falas em português mas gostei) ! (:

    ResponderEliminar
  2. Comecei a ler a fic, como prometido (:
    É só o 1º capitulo e estou a adorar!
    Bem, vou continuar a ler e vou comentando c:

    ResponderEliminar